Preço ainda não foi confirmado, mas estimativas são altas. Modelo deverá também enfrentar concorrência de novidades da Rolls-Royce e da Bentley.

O sedã camuflado intitulado ?Cortege?, que em breve irá substituir os atuais 11 Mercedes-Benz S600 Pullman do presidente russo Vladímir Putin, será vendido internacionalmente a partir de 2019.

O novo veículo é baseado nos modelos Mercedes-Benz Classe S e BMW Série 7, com motores V12, e seu valor de mercado ainda não foi definido.

No entanto, de acordo com o ministro da Indústria e do Comércio russo, Denis Manturov, quando o carro for lançado no ano que vem, enfrentará forte concorrência de modelos produzidos por Rolls-Royce e Bentley no mercado internacional.

?O Sudeste Asiático e o Oriente Médio, em primeiro lugar, os Emirados Árabes Unidos, e especialmente a China, foram escolhidos como mercados alvo?, disse à revista ?Forbes? a empresa russa Sollers, que distribuirá os carros.

Siga-nos