O feriado da Semana Santa vai ter reforço de 1.680 profissionais de segurança atuando diariamente.

O governador do Ceará, Camilo Santana, determinou nesta terça-feira (27) em reunião com a cúpula da Secretaria da Segurança Pública do Ceará o aumento do efetivo nas ruas e autorizou o pagamento de horas extras aos policiais militares que estariam de folga.

O policiamento militar continua reforçado na capital, em terminais, corredores de ônibus e locais com maior concentração de usuários do transporte público, segundo a polícia.

O aumento segurança ocorre após um fim de semana com uma série de ataques a ônibus e prédios público em cidades do estado.

Durante o encontro nesta terça, que reuniu todos os comandantes das Áreas Integradas de Segurança (AIS) do estado, e a secretária da Justiça e Cidadania, Socorro França, foram discutidas ocupações de espaços estratégicos, e o reforço operacional de batalhões especializados como o de Polícia de Choque (BPChoque), o de Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) e dos helicópteros da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer).

?O trabalho de Inteligência tem atuado e já conseguiu antever muitas ações, com a prisão de criminosos e apreensão de armas?, ressaltou o governador.

Semana Santa

O feriado da Semana Santa vai ter reforço de 1.680 profissionais de segurança atuando diariamente. O trabalho nas ruas começa às 18h de quinta-feira (29) e segue até as 6h de segunda-feira (2).

Policiais militares, civis, bombeiros e peritos forenses vão ser destacados para todo os pontos do estado. As delegacias vão trabalhar em esquema de plantão diferenciado, em especial nas principais cidades do interior.


Mais Lidos

Publicidades