O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, declarou nesta segunda-feira (29) que o país não esquecerá o papel da União Soviética na vitória sobre o fascismo.

"Nunca esquecemos o papel que o exército soviético desempenhou nesta vitória", disse Netanyahu.

O primeiro-ministro israelense chegou a Moscou nesta segunda-feira para participar de negociações com o líder russo, Vladimir Putin. Após um a reunião entre no Museu Judaico da capital russa, os líderes se encontraram com convidados do centro em conexão com o Dia Internacional da Memória do Holocausto. 

Netanyahu destacou que "se o ódio contra os judeus não é interrompido a tempo, se espalha muito rapidamente e pode destruir outros povos".

"Nosso objetivo comum é lutar contra ideologias extremas desse jeito, quando ainda são pequenas e fracas, para lutar contra elas a tempo", disse Netanyahu.


Publicidades