EstratégiaMarketing DigitalSEO

Como posicionar seu negócio no Google e gerar dinheiro com isso?

Devido a quarentena causada pela pandemia de COVID-19, muitas empresas que não eram adeptas ao mercado Digital viram seu negócio morrer do dia para noite, principalmente devido às medidas de restrição de pessoas pelo governo para controlar o avanço do coronavírus.

As empresas que sobreviveram a essa crise passaram a entender ainda mais sobre o mercado de Marketing Digital e perceberam como era importante utilizar boas estratégias para gerar mais leads e receita.

Dentre as áreas que fazem parte do Marketing Digital, uma das que mais ganharam visibilidade foi a área de otimização de sites para motores de busca, também conhecida como SEO.

De acordo com uma pesquisa realizada por uma empresa de Marketing Digital, foi identificado que 51% das pessoas descobrem um produto ou serviço realizando buscas online no Google.

Este tipo de dado reforça a importância de ter um site bem posicionado no maior buscador do mundo atualmente.

Neste conteúdo, será abordado como é possível posicionar um negócio no Google e gerar dinheiro com isso de forma segura e escalável. 

Mas antes, é necessário entender o que realmente é SEO e quais as principais estratégias que podem melhorar o posicionamento de sites na SERP, também conhecida como página de resultados.

O que é SEO?

SEO significa Search Engine Optimization, ou em português otimização para motores de busca.

De forma mais clara, trata-se de técnicas aplicadas em websites para melhorar o posicionamento das páginas nos buscadores.

Com a melhora no posicionamento dessas páginas, o site terá um aumento no número de tráfego orgânico, que é considerado por muitos profissionais o melhor tipo de tráfego atualmente.

Pois, não há gastos consideráveis como é feito no tráfego pago, onde são criados anúncios para tentar atingir o público alvo. Além disso, a possibilidade de trazer mais usuários qualificados é significativamente maior no tráfego orgânico.

Vale ressaltar que existem diversos buscadores na web hoje, mas os principais são:

  • Google
  • Yahoo
  • Bing
  • Duck Duck Go
  • Start Page
  • Qwant

Todavia, a maior parte dos esforços devem ser concentrados principalmente em aparecer bem posicionado no Google, considerado hoje o maior e mais importante buscador do mundo, com cerca de 90% de uso pelos usuários.

Então, no SEO, sempre que o usuário digitar uma palavra-chave, ou seja, fizer uma busca, o objetivo é sempre aparecer bem posicionado no buscador.

Entendendo a importância de ter um site bem posicionado no Google

Ter um site com várias páginas bem posicionadas no Google é, possivelmente, um dos principais objetivos das empresas e dos profissionais autônomos.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Chitika, se o site possuir uma página na primeira posição, conseguirá aproximadamente 33% do total de cliques.

Ao considerar uma palavra-chave com um volume de busca de 110.000 por mês, ou seja, uma palavra com volume de busca alto, quer dizer que o site que está na primeira posição irá receber 36.300 cliques qualificados.

Importante ressaltar a questão de ser cliques qualificados, o que aumenta consideravelmente as chances do dono do website realizar vendas de produtos ou serviços.

Caso a página que está na primeira posição venda algum tipo de produto ou serviço, em outras palavras, são 36.300 possíveis vendas ou clientes que o dono do website pode ter. Ah, e apenas com essa palavra-chave, que está bem ranqueada.

Montando um planejamento para alcançar o topo do Google

Agora que já ficou claro a importância do SEO para aumentar o número de visitas e vendas, chegou a hora de entender, através de um passo a passo, como montar um bom planejamento para dominar o principal buscador do mercado.

1. Fazer uma auditoria técnica do Website

A primeira dica é realizar uma auditoria técnica e entender quais são os pontos técnicos que estão prejudicando a performance do site no Google.

Existem diversos pontos importantes que precisam ser checados, como:

  • Identificar se existem páginas que não deveriam estar aparecendo no Google, por não trazer uma boa experiência para o usuário.

É importante verificar a existência dessas páginas, pois se elas existem, estão mais prejudicando do que ajudando. Para realizar essa análise, basta digitar no Google o comando site: + o nome do domínio, ou seja, site:exemplo.com.br.

Há grandes chances do Google apresentar páginas que não possuem nenhum tipo de conteúdo útil, páginas com erro 404 (que não existem), entre outras.

Caso seja identificado alguma dessas páginas, basta ir na ferramenta do Google Search Console e ir em remoções. Depois, só colar a URL e pedir para o Google remover do index permanentemente.

  • Verificar as notas das páginas referente ao Core Web Vitals e experiência do usuário

Em junho de 2021, o Google finalizou um update no algoritmo referente ao Core Web Vitals, que são métricas criadas para medir a experiência do usuário ao acessar um Website.

Essas métricas basicamente avaliam se o site é rápido e se não possui banners intrusivos que atrapalham a navegação.

Para acompanhar como anda a performance das páginas, com o intuito de melhorá-las, basta acessar a ferramenta do page speed insights, colocar a URL e verificar como está a nota, que pode ir de 0 a 100.

Após a análise, o page speed insights mostrará quais erros estão atrapalhando a performance das páginas, o que facilita o dono do site a encontrar e ajustar esses erros.

Importante ressaltar que sempre deve ser considerado a nota e as melhorias para dispositivos móveis (Mobile), uma vez que o Googlebot só considera, desde 2017, páginas que são bem adaptadas para o Mobile.

  • Chegar se o site possui conteúdo duplicado

Atualmente muitos sites possuem páginas com conteúdos duplicados e muitas vezes nem sabem que estão enfrentando esse problema.

Normalmente, isso acontece devido a uma estratégia mal feita de pesquisa de palavras-chave, em que são criados diversos conteúdos sobre uma palavra-chave em específico. 

Sendo que, muitas vezes, seria melhor escrever um conteúdo com em uma única página.

A partir daí, esse conteúdo seria bem mais completo e, ainda assim, poderia ranquear bem para diversas variações da palavra-chave principal.

Para checar se um website possui páginas com conteúdo duplicado, há duas principais formas:

  1. Através do Google Search Console, que pode mostrar alguma notificação dizendo que seu site possui conteúdo duplicado
  1. Analisando manualmente através da própria SERP. Se for verificado que existe uma palavra-chave importante, que possui uma URL específica e que outra página está aparecendo no lugar dela, pode ser um indicativo desse tipo de problema.

Para ajustar, basta utilizar a canonical tag, que pode ser implementada por um desenvolvedor ou pelo próprio plugin Yoast, caso o site seja em Wordpress.

2. Criar conteúdos de forma estratégica

Atualmente, produzir conteúdo para a Web não é mais como antigamente. Logo, deve ser montada uma boa estratégia para esse tipo de trabalho.

Alguns anos atrás, quando o SEO ainda não era tão conhecido e a concorrência era menor, a técnica de “publish and pray”, também conhecida como “publicar e rezar” até costumava funcionar.

Porém, à medida que a área foi ganhando mais importância e as estratégias foram se aprimorando, apenas publicar conteúdos em larga escala pode não ser a melhor opção.

Para sites ou domínios que foram criados há um certo tempo ou que já possuem um bom nível de autoridade perante o Google, esse tipo de estratégia até pode ainda funcionar (mesmo não sendo o ideal).

No entanto, para sites relativamente novos, definitivamente esse tipo de estratégia é o maior erro que alguém que deseja alcançar o topo do Google pode cometer.

A melhor forma de evitar esse tipo de erro é fazendo uma boa pesquisa de palavras-chave. Para isso, é recomendado utilizar ferramentas como a SEMrush ou Ahrefs.

Entender como o usuário realiza as buscas para chegar no website é essencial para uma boa análise. De qualquer maneira, algumas atividades podem ajudar, como analisar os concorrentes e identificar quais palavras-chaves eles estão utilizando para gerar tráfego.

Após identificar todas as palavras-chave, chegou a hora de produzir um conteúdo de qualidade. Mas, não basta apenas produzir o conteúdo e esperar que algo aconteça. É necessário conseguir links para esse conteúdo.

3. Fazer um bom trabalho de Link Building

Eis o momento em que é apresentado a técnica talvez mais importante do SEO, a obtenção de backlinks.

Não resta dúvidas que backlinks são o fator número 1 de ranqueamento das páginas no Google.

A grande diferença era que antes, quem possuía mais links “ganhava”, ou seja, ficava na primeira posição. Porém, atualmente ter links relevantes é mais importante, ou seja, qualidade conta muito mais que quantidade.

Um ponto que é importante reforçar é que, assim como um bom trabalho de Link Building pode melhorar e muito o tráfego de um site, um trabalho ruim pode ser um desastre.

Há diversos casos de domínios que foram até mesmo banidos do Google por fazer trabalhos ruins de Link Building, geralmente utilizando técnicas Black-Hat, que são proibidas pelo buscador.

Para realizar um bom trabalho de Link Building, podem ser utilizadas estratégias como:

  • Técnica Skyscraper
  • Guest Post
  • Áudio Link Building
  • Infográficos
  • Podcasts
  • Digital PR (Release para portais de notícia)

Gerando dinheiro após ter um Website bem posicionado no Google

Segundo especialista em Marketing Digital Isael, a partir do momento que você adquire conhecimento suficiente para colocar as páginas no topo do Google, há inúmeras possibilidades de ganhar dinheiro através do site.

Algumas das principais formas são:

1. Afiliado

Um afiliado é um profissional que divulga produtos pela internet. Esses produtos podem ser tanto digitais quanto físicos.

A cada venda que o afiliado realizar, ele receberá uma comissão que vai depender de quanto foi acordado entre o afiliado e o infoprodutor, também conhecido como dono do produto.

O tipo mais comum de afiliado é o afiliado digital, que foca apenas em vender produtos digitais, como cursos online, ebooks, audiobooks etc.

Há diversas estratégias que os afiliados de produtos digitais utilizam para realizar suas vendas, como compra de espaço publicitário (anúncios), instagram, youtube, entre outros.

Além das estratégias já mencionadas, uma bem comum é justamente a criação de um site, para produzir conteúdo útil e aparecer bem posicionado para buscas específicas.

Por exemplo, se o afiliado tem um site sobre Marketing Digital, seria muito relevante aparecer na primeira posição para a palavra-chave “melhores cursos de Marketing Digital”. Afinal, a partir daí, poderia ser criado um artigo bem elaborado mostrando os top 10 cursos de Marketing Digital de 2021.

Sendo que, cada link que fosse incluído no artigo teria um código de rastreio. É esse código que vai avisar a plataforma intermediadora, como a Hotmart, que o afiliado fez uma venda.

É por esse motivo que entender o que é um afiliado digital e quais estratégias esse tipo de profissional pode utilizar é super importante, principalmente para quem está querendo ganhar dinheiro online nesse mercado de Marketing Digital.

2. Dropshipping e Ecommerce

O Dropshipping consiste em um modelo em que o dono do website pode realizar vendas de produtos “físicos” sem necessariamente ter esses produtos em estoque.

A diferença entre o Dropshipping e o E-commerce, também conhecido como lojas virtuais, é que neste há sim a necessidade de ter os produtos em estoque. 

Ou seja, a questão logística é mais complicada, pois o dono do e-commerce será responsável por toda a fase de logística, desde a venda até a entrega para o cliente.

Os produtos físicos podem ser dos mais variados tipos, como:

  • Camisas
  • Géis
  • Cápsulas
  • Tênis
  • Drones
  • Bonés
  • Relógios
  • Casacos
  • Brincos

A estratégia para entender como ganhar dinheiro com dropshipping ou e-commerce é relativamente simples.

Ao utilizar técnicas de otimização de motores de busca nas páginas dos produtos, o dono do site receberá diversas visitas e consequentemente irá gerar diversas vendas, sem precisar gastar com anúncios.

3. Sites de serviços

Uma outra forma de ganhar dinheiro tendo um site bem posicionado nos mecanismos de busca como o Google é tendo um site que oferece serviços em um determinado nicho.

Existem diversas empresas e profissionais que prestam os mais variados tipos de serviços, tanto online como de forma presencial.

Ter uma página bem posicionada para uma busca que caracteriza alguém buscando por algum serviço, pode ser essencial para aumentar a receita.

4. Blog

O Blog ainda continua sendo uma ótima forma de ganhar dinheiro online com páginas bem posicionadas no Google.

Geralmente, muitas pessoas utilizam um blog para produzir conteúdos de qualidade e gerar vendas como afiliado.

Todavia, há outras formas de ganhar dinheiro através do blog.

Se as técnicas de SEO forem aplicadas corretamente, o dono do blog pode ter várias páginas nas primeiras posições e, com o alto tráfego orgânico gerado, pode vender espaço publicitário dentro do site, os famosos banners.

Com isso, há a possibilidade de ganhar dinheiro instalando o Google Adsense, que é um serviço do Google que possibilita monetizar sites com banners de parceiros.

A cada ano que passa, o Google vai aumentando cada vez mais o custo do CPC (custo por clique), o que torna os anúncios cada vez mais custosos para as empresas.

É por esse motivo que ter um site otimizado para SEO e bem posicionado no Google é essencial para qualquer estratégia de Marketing Digital.

Ter a possibilidade de estar bem posicionado no maior e mais importante buscador do mundo é estar a um passo de aumentar a base de clientes e o faturamento da empresa.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo