Computador aquece demais com games de alta performance, sim, mas isso não precisa ser um bicho de sete cabeças.

O campo de batalha está quente, os inimigos surgem em todos os lados e o fogo é cerrado em Fortnite. Já estamos há quatro horas seguidas nesse ritmo intenso e o PC começa a esquentar. Agora a preocupação não é apenas com o jogo, mas com o próprio computador...

Pois é, amigo, quem joga com muita intensidade já deve ter passado por situação semelhante. Por isso, fomos buscar umas dicas com o pessoal da Micron Technologies, que tem uma linha de memórias especiais chamada Ballistix que é bem interessante. Reunimos as oito mais interessantes:

Foto: Kjell Eson | Visualhunt.com | CC BY-NC-ND

1. SEMPRE FECHE SEU GABINETE
Embora possa parecer sem sentido, um gabinete aberto não ajuda a regular as temperaturas internas ? ele faz exatamente o oposto, restringindo o resfriamento. Um gabinete fechado ajuda o sistema a permanecer frio, pois reduz o impacto de poeira e detritos nos coolers da máquina. O excesso de poeira pode fazer com que os coolers diminuam o ritmo ou parem de trabalhar. É por isso que também é importante limpar os filtros e a poeira do equipamento periodicamente. Os gabinetes são projetados para uma circulação de ar eficaz. Com os coolers e a entrada de ar adequada, é possível manter os componentes do sistema funcionando da melhor forma possível.

2. ATUALIZE O COOLER DA CPU
A CPU é um dos componentes mais sensíveis e caros de um computador e tem o maior potencial de superaquecimento. A maioria das CPUs vêm com coolers de baixo custo pré-instalados, que são projetados para resfriar o processador o suficiente para mantê-lo funcionando ? e nada mais. Por esse motivo, convém considerar a atualização para um cooler da CPU de melhor qualidade. Isso deve ajudar a manter a temperatura da CPU em níveis mais baixos. No entanto, é importante reforçar que o cooler só pode resfriar a CPU para a temperatura mais baixa se o gabinete estiver fechado, independentemente do quão bem projetado seja esse cooler.

3. ADICIONE UM COOLER DE GABINETE
A atualização do cooler da CPU é um bom começo, mas a adição de coolers de gabinete também pode ser uma grande ajuda. As placas gráficas e de memória melhoram o desempenho, mas geram muito calor. Portanto, os coolers de gabinete podem ajudar a aumentar o fluxo de ar frio sobre componentes, se conectados à parte frontal e traseira de um sistema. A maioria dos jogadores instala dois ventiladores: um para trazer ar frio para dentro do PC, e outro para retirar o ar quente de dentro da máquina. Ao adicionar coolers no gabinete, é importante verificar se os níveis de admissão e exaustão correspondem. Se o gamer instalar um cooler de 80mm na parte frontal do gabinete e outro de 120mm na parte de trás, o diferencial vai gerar "ar morto" e uma pressão negativa, levando a um superaquecimento potencialmente maior.

4. INSTALE UM COOLER PARA A MEMÓRIA
A memória é um dos componentes com maior probabilidade de superaquecimento, especialmente quando o gamer faz o overclock na máquina. Um cooler direcionado para a memória ajuda a eliminar pontos mortos do fluxo de ar na área em que a memória estiver instalada.

5. MONITORE O COOLER DA FONTE DE ENERGIA DO SISTEMA
A fonte de alimentação de um PC tem um cooler integrado. Se a máquina não tem um cooler de gabinete, o cooler da fonte de alimentação será a única coisa que vai empurrar o ar quente para fora do sistema. Se esse item não estiver funcionando corretamente, o sistema vai aquecer muito mais rápido. Nesse caso, o mais indicado é substituir o cooler da fonte o quanto antes.

Monitore a temperatura em tempo real com apps específicos para esse fim
Monitore a temperatura em tempo real com apps específicos para esse fim
Foto: Reprodução

6. MONITORE A TEMPERATURA DA MEMÓRIA EM TEMPO REAL
Embora o overclocking possa maximizar o desempenho dos componentes, a prática também eleva os recursos do sistema ao limite, o que quase sempre resulta em temperaturas mais altas. Se o gamer estiver fazendo overclock com módulos como o Ballistix Tactical Tracer ou Ballistix Elite, é possível utilizar recursos personalizados como o Ballistix M.O.D. Uitility para monitorar a temperatura da memória em tempo real.

7. UTILIZE SEMPRE A TECNOLOGIA MAIS RECENTE
A eficiência energética aprimorada de tecnologias mais novas de memória também ajuda a manter a temperatura sob controle. Os módulos de memória Ballistix DDR4 usam voltagens mais baixas do que os módulos DDR3. Usar um SSD também é significativamente mais eficiente que o uso de um disco rígido normal. Tensões mais baixas ajudam a reduzir a quantidade de calor dentro do sistema.

8. INSTALE UM KIT DE RESFRIAMENTO COM ÁGUA
Em sistemas de jogos com CPUs de ponta e componentes com overclock, muitas vezes os coolers convencionais mais rápidos do mercado não conseguem acompanhar o aumento da temperatura. Para resolver este problema, muitos jogadores optam por kits de resfriamento a água como uma forma de resfriar a CPU. Uma bomba faz o ciclo de água fria até a CPU em tubos independentes, depois bombeia a água para fora do sistema. Assim, a água pode ser resfriada antes de retornar à CPU para um resfriamento adicional. Caso o gamer se sinta confortável em realizar uma instalação técnica, os kits de resfriamento a água são seguros e relativamente acessíveis. Ao usar um kit de resfriamento a água, é importante se certificar de que a memória esteja recebendo bastante fluxo de ar dos coolers, já que um bloco de água não movimenta o ar nessa área do PC.

 

Geek

Mais Lidos