Ela está na próxima novela das 18h, trama de Elizabeth Jhin sobre 'resgate ao passado'. Ao G1, ela diz que ser atriz é 'saber se colocar no lugar do outro'.

Alinne Moraes falou sobre amor, perdão e reencontros durante a festa de lançamento da novela "Espelho da Vida', que estreia no dia 25 de setembro.

Ela viverá Isabel, a vilã da trama, uma jornalista que terminou o noivado com Alain (João Vicente de Castro) após ele descobrir sobre uma traição com seu primo.

A novela de Elizabeth Jhin trata de "um resgate ao passado" e Alinne aproveitou o tema para falar que já passou por momentos de muitas reflexões ligadas ao que já passou.

Ela contou que conheceu seu pai apenas aos 22 anos e que ele ligou procurando por ela na TV Globo, na época em que ela gravava "Da cor do pecado".

"A Globo me ligou para saber se era verdade, e depois eu fui conhecê-lo. Poderia não querer conhecê-lo porque ele nunca foi atrás de mim. Eu poderia ter ido para um caminho e eu fui para outro"

"Isso me fez ser atriz, saber me colocar no lugar do outro". Ela acrescentou que não guardou mágoas do pai, que morreu 8 meses após conhecê-la.

Novela também é sobre espiritualidade

Em relação à espiritualidade, também tratada na novela, Alinne disse que "em seu momento atual acredita mais na força do bem".

"Não tenho muito entendimento sobre isso, hoje tenho outras preocupações. Já vivo num mundo tão fantástico que prefiro acreditar na força do bem. Se algo me faz mal ou eu resolvo na hora ou resolvo na terapia. Quase nem preciso perdoar porque quase nunca classifico algo como tão ruim".


Mais Lidos