Destruição faz parte de campanha anticorrupção. Dezenas de veículos valiam US$ 5,5 milhões (mais de R$ 20 milhões) no total.

Presidente das Filipinas assiste a destruição de carros de luxo contrabandeados

Carros e motos de luxo que foram apreendidos por contrabando nas Filipinas foram destruídos nesta segunda-feira (30) na presença do presidente Rodrigo Duterte como parte de uma campanha anticorrupção.

Assista ao vídeo acima.

Nas imagens, é possível ver escavadeiras esmagando modelos das marcas Lamborghini, Porsche, Mercedes Benz e Harley Davidson. De acordo com a agência Reuters, os 68 veículos e 8 motos valiam US$ 5,5 milhões (mais de R$ 20 milhões) no total.

Duterte, conhecido por suas políticas duras contra o crime, declarou que queria mostrar ao mundo sua postura endurecida contra os importadores ilegais e que as Filipinas têm um ambiente favorável ao investimento e aos negócios.

"Decidi destruir porque você tem que mostrar ao mundo que você tem um ambiente viável para investimento e negócio, e a única maneira de mostrar isso é que você é produtivo e tem a economia para absorver a produtividade da população", disse Duterte.

Esta foi a segunda vez neste ano que Duterte supervisiona destrução de carros contrabandeados. A primeira foi em fevereiro.

Mais Lidos