Fiscalizações se intensificaram em rodovias estaduais além de lagos, represas, e rios da região. Operação foi realizada de 9 a 14 de fevereiro.

O 3º pelotão de Polícia Militar de Meio Ambiente (PMMA) e Polícia Rodoviária Estadual (PRE) divulgou, na manhã desta quinta-feira (15), o balanço da ?Operação Carnaval?. A ação foi realizada durante o feriado em represas e rodovias estaduais que cortam os municípios de Ituiutaba, Capinópolis, Canápolis, Ipiaçu, Centralina, Cachoeira Dourada, Gurinhatã e Santa Vitória.

As fiscalizações se intensificaram principalmente nas operações com utilização de radar que coibindo o excesso de velocidade e a realização dos testes com bafômetros. Já nas atividades do meio ambiente, o principal objetivo foi a segurança das pessoas que procuraram os lagos, represas, e rios da região.

Resultados

Nas rodovias estaduais

De acordo com a PRE, 95 veículos foram retidos, mais de 1.200 que foram fiscalizados e 15 removidos. Já os motoristas, 15 tiveram a Carteira Nacional de Habitação (CNH) recolhida, 13 inabilitados foram autuados e dos 211 testes do bafômetro realizados, sendo quatro pessoas presas por embriaguez no volante.

Apesar das 179 autuações de trânsito, sendo 15 por embriaguez, a PM de Meio Ambiente não registrou nenhum acidente no período do carnaval nas rodovias estaduais que cortam as oito cidades que foram fiscalizadas pelo pelotão.

Meio Ambiente

A PMMA informou que foram realizadas oito operações de pesca, sendo uma embarcação e um motor apreendido, aproximadamente 51 redes recolhidas, totalizando 1.640 metros que foram apreendidos durante a operação.

Cerca de 34 materiais utilizados para a pesca foram recolhidos e aproximadamente 15 kg de pescado apreendidos. Uma pessoa foi presa durante os trabalhos e as multas aplicadas totalizaram R$ 13.545,33.


Mais Lidos

Publicidades