Segundo o Nupec, desempenho da cesta básica foi o maior desde outubro de 2017.

O valor da cesta básica em Divinópolis ficou em R$ 325,80 no primeiro mês de 2018. De acordo com os dados do Núcleo de Pesquisas Econômicas (Nupec) da Faculdade de Ciências Econômicas, Administrativas e Contáveis (Faced), o preço é 2,52% maior que o registrado em dezembro de 2017 e foi em grande parte influenciado pelo encarecimento do quilo do tomate.

O levantamento, divulgado nesta quarta-feira (21), mostra que o custo da cesta básica em janeiro na cidade é o maior registrado desde outubro de 2017, quando o preço chegou a R$ 309,56.

O tomate foi o produto que mais encareceu entre dezembro e janeiro (+34%), seguido pelo quilo do feijão (+7,02%) e do arroz (+6,37%).

Influência Climática

Segundo o Nupec, o preço médio do tomate subiu em todas as regiões do país e, em Divinópolis, o valor ficou em R$ 4,53- contra R$ 3,38 registrados em dezembro. O núcleo explica que a queda da oferta, devido à redução da área plantada, e o aumento na intensidade das chuvas influenciaram nos custos.

Ao contrário da maior parte de país, onde houve queda dos preços, na cidade do Centro-Oeste de Minas o custo do quilo do feijão para o consumidor aumentou em relação ao mês de dezembro. Depois de cair durante o segundo semestre de 2017, o produto ficou na média dos R$ 2,88 em janeiro.

Conforme o Nupec, as fortes chuvas causaram maior dificuldade na colheita do feijão e menor oferta no mercado, que impactou no reajuste.

Já o arroz subiu de R$ 3,09 para R$ 3,28, também devido ao clima desfavorável para a produção.


Mais Lidos

Publicidades