Em nota enviada ao G1, Prefeitura informou que provável causa foi sobrepeso na segunda laje. Local ainda passa por avaliações.

O imóvel em Rio Pomba onde uma idosa de 76 anos morreu na noite de segunda (12) após desabamento parcial de uma laje está interditado por segurança. De acordo com a Prefeitura de Rio Pomba, o local passou por nova avaliação do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil na manhã desta terça (13).

Equipes dos Bombeiros de Ubá e de Juiz de Fora trabalharam no atendimento da ocorrência na Rua Francisco Vieira Bomtempo, no Bairro Prefeito Geraldo Homem de Faria. Eles conseguiram resgatar o corpo da moradora após quatro horas de trabalho, no fim da noite de segunda (12). O neto, que não teve idade divulgada, que estava com ela conseguiu escapar sem ferimentos.

De acordo com a Prefeitura de Rio Pomba, um pedaço da segunda laje caiu e atingiu a cozinha da residência do térreo. Conforme a nota enviada ao G1, a causa, a princípio, está relacionada com sobrepeso na segunda laje do imóvel e não teria relação com chuvas. Nas avaliações até agora, ainda não foram encontrados impactos em imóveis vizinhos.

A Prefeitura informou ainda que a idosa morava no térreo e o filho dela, a esposa e os dois filhos do casal moravam no imóvel superior. Os moradores foram encaminhados para residência de parentes e a Defesa Civil encaminhou o caso para a Assistência Social do município.

Após a necrópsia no Hospital São Vicente de Paulo, o corpo da idosa foi liberado para os familiares. O velório será realizado na Capela Mortuária a partir das 13h e o sepultamento está marcado para às 17h,no Cemitério Municipal.

De acordo com a Prefeitura, o perito da Polícia Civil acompanhou o caso, que será enviado para investigação.


Mais Lidos

Publicidades