Ação foi realizada pela Polícia Militar e Departamento Estadual de Trânsito de Rondônia na Avenida Machadinho. Uma pessoa foi flagrada tirando fotos da blitz e postando nas redes sociais.

Dezoito pessoas foram presas por embriaguez em ação de blitz da Lei Seca, realizada em Ariquemes (RO), no Vale do Jamari, durante a madrugada de domingo (18). Além dos motoristas, um rapaz de 19 anos foi detido por estar tirando fotos e divulgando nas redes sociais.

As equipes de fiscalização de trânsito montaram as barreiras na Avenida Machadinho no Bairro Jardim América. A ação foi realizada pela Polícia Militar (PM) e Departamento Estadual de Trânsito de Rondônia (Detran-RO) em um trecho da avenida com registros de acidentes de trânsito graves.

Durante a fiscalização, um funcionário do Detran chamou os policiais e apresentou um jovem de 19 anos que estava tirando fotos da blitz. O homem confirmou aos policiais que realmente havia tirado fotos e divulgado nas redes sociais o local da blitz.

O jovem e os 18 motoristas foram levados até a Unidade Integrada de Segurança Pública (Unisp) em Ariquemes, onde foram registradas ocorrências e apresentados à autoridade policial.

Lei Seca

É considerado crime quando o motorista é flagrado conduzindo veículos com índice de álcool no sangue superior a 0,34 miligramas de álcool por litro de ar expelido ou 6 decigramas por litro de sangue.

A pena de detenção pode variar de seis meses a três anos, multa e suspensão temporária da carteira de motorista ou proibição permanente de obter a habilitação. O Código de Trânsito Brasileiro estabelece multa de R$ 2.934,70, além de sete pontos na carteira. Os condutores também têm a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) apreendida. Se o motorista tiver cometido a mesma infração nos 12 meses anteriores, o valor da multa é dobrado.


Mais Lidos