Motoristas chegaram a paralisar atividades este ano pedindo reajuste salarial. Nova empresa tem até segunda-feira (9) para se apresentar.

A Prefeitura de Araguari divulgou nesta sexta-feira (6) que rescindiu o contrato com a empresa prestadora do serviço de transporte escolar, Reis e Tour (Reis e França Transporte e Turismo Ltda.). Há duas semanas os motoristas paralisaram as atividades pedindo reajuste salarial e os alunos de quatro escolas ficaram sem aula. Outra empresa foi selecionada para assumir o transporte e deve se apresentar até a próxima segunda-feira (9).

Ainda segundo o Executivo, a empresa que ficou na colocação abaixo da atual contratada tem até a próxima segunda-feira (9) para manifestar interesse, e caso não assuma o serviço, o Município vai estudar outra forma de resolver a situação.

A produção do MGTV tentou contato com os representantes da Reis e Tour para saber o posicionamento da mesma, mas ninguém atendeu as ligações.

Outros problemas

Esta não foi a primeira vez no ano que os estudantes da rede municipal de Araguari ficaram sem transporte escolar. Em fevereiro, a empresa que ganhou a licitação não compareceu para assinar o contrato e não assumiu o trabalho previsto para o dia 9 daquele mês.


Mais Lidos