A polícia alemã prendeu um cidadão alemão por suspeita de ligações com o grupo terrorista Daesh (autodenominado Estado Islâmico). A Promotoria-Geral de Stuttgart e o departamento de polícia criminal de Baden-Wurttemberg confirmaram o caso em um comunicado conjunto divulgado nesta quinta-feira.

De acordo com o comunicado de imprensa, o suspeito de 29 anos foi detido na quarta-feira em Freiburg, em Breisgau.

Investigadores acreditam que o suspeito deixou a Alemanha em 2013 para se juntar ao grupo terrorista. Em dezembro de 2013, ele se mudou para a Síria através da Turquia e serviu em um acampamento militar perto de Aleppo até fevereiro de 2014.

Depois disso, o suspeito se juntou a outro grupo terrorista como combatente e possivelmente paramédico durante as hostilidades na província de Latakia.

No final do primeiro semestre de 2014, ele partiu da Síria e voltou para a Alemanha no início deste ano, de acordo com o comunicado de imprensa. Na quarta-feira, o indivíduo compareceu perante o juiz investigador do Superior Tribunal Regional, que emitiu um mandado de prisão preventiva no centro de internação pré-julgamento.


Mais Lidos