Moscou quer que as autoridades polonesas encontrem e levem à Justiça os responsáveis por atos de vandalismo contra túmulos de soldados soviéticos na Polônia ocidental, informou nesta quarta-feira (10) o Ministério das Relações Exteriores da Rússia.

No início desta semana, 21 túmulosfe soldados soviéticos que participaram da libertação da Polônia dos nazistas foram profanados em um cemitério comunitário da cidade polonesa de Jelenia Gora.

"Deve ser enfatizado que [o incidente] não é apenas um ato ruim e ofensivo de hooligans locais, mas uma conseqüência vergonhosa das políticas de Varsóvia que provocaram falsificações da História, o que dá origem à impunidade e enfraquece os valores. Nós exigimos que os responsáveis sejam encontrados e levados à justiça", disse o ministério através de um comunicado.

Nos últimos anos, memoriais e sepulturas soviéticas foram repetidamente vandalizadas na Polônia. Os incidentes têm afetado negativamente as relações entre Varsóvia e Moscou e levantam sérias preocupações na Rússia sobre a disseminação da ideologia neonazista na Polônia.