BusinessMarketing Digital

Pesquisa de satisfação na área da saúde

De modo geral, a pesquisa de satisfação é uma ferramenta de gestão muito importante para qualquer empresa, inclusive na área da saúde. E, se você possui um consultório ou clínica e está em busca de mais pacientes, é fundamental fazer uso dessa ferramenta.

Isso porque, por meio dela, é possível saber o que seus atuais pacientes pensam a respeito dos serviços oferecidos e como eles podem ser melhorados. Além disso, também é muito importante ter software médico para facilitar o acesso ao histórico do paciente e otimizar outros processos.

Neste artigo, reunimos todas as informações que você precisa ter sobre a importância da pesquisa de satisfação na área da saúde. Acompanhe a leitura!

O que são pesquisas de satisfação?

Pesquisas de satisfação são levantamentos estatísticos feitos para identificar possíveis falhas na empresa e resolvê-las para tornar suas atribuições mais dinâmicas e eficientes.

Geralmente, elas são feitas com perguntas que devem ser respondidas com 0 a 10 ou sim ou não, e estão relacionadas ao nível de satisfação do cliente – neste caso, do paciente.

A maioria das pesquisas também conta com uma área para observações adicionais. Esse espaço é importante para que os pacientes possam opinar diretamente sobre algo que não foi perguntado, caso queiram.

Qual a importância da pesquisa de satisfação na área da saúde?

Como mencionamos, a pesquisa de satisfação na área da saúde é um conjunto de perguntas e respostas que resultam em um feedback dos pacientes e revela o nível de satisfação deles em relação às instalações, aos profissionais da área de saúde e aos serviços médicos prestados.

Esse feedback, principalmente no que diz respeito ao atendimento fornecido pelos médicos, é considerado uma atividade de avaliação e melhoria de qualidade. Por esse motivo, não pode ficar de fora das operações de cada unidade de saúde.

E, embora não exista um padrão em relação ao momento que a pesquisa deve ser feita, o ideal é que ela seja administrada no final da estadia do paciente no centro médico. 

Dessa forma, o paciente terá melhores condições de avaliar todas as dimensões que envolvem o atendimento médico.

Metodologias de aplicação

O principal método de aplicação da pesquisa de satisfação na área da saúde está relacionado ao conjunto de perguntas e respostas. Neste caso, o questionário deve envolver uma série de perguntas para esclarecer os principais pontos do atendimento médico. Veja a seguir alguns exemplos que podem ser usados:

  • O tempo de espera foi aceitável?
  • O ambiente é confortável?
  • A recepção foi agradável?
  • O atendimento médico correspondeu às suas expectativas?

Dependendo do caso e dos objetivos da gestão, essas perguntas podem ser respondidas abertamente, com “sim” ou “não” ou por meio da metodologia “Net Promoter Score” (NPS), em que elas são assinaladas em escalas de “0” a “10”.

De acordo com a lógica dessa metodologia, a pontuação revela o nível de satisfação dos pacientes. Sobre os resultados, as respostas de “0” a “6” indicam insatisfação, “7” e “8” indica neutralidade e “9” ou “10” indica satisfação.

Qual a importância da pesquisa de satisfação para os pacientes?

É fato que a pesquisa de satisfação na área da saúde é de suma importância para que uma clínica, um consultório ou um hospital saiba o que o paciente pensa a respeito do seus serviços.

No entanto, focando na importância dessa ferramenta para os pacientes, a resposta é que com base nos resultados obtidos, o atendimento médico, as instalações, a recepção ou o tempo de espera, por exemplo, tendem a ser melhorados. 

Por fim, outro ponto importante é que os pacientes também podem enxergar esse espaço como uma oportunidade de fazer questionamentos e até mesmo reclamações.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo