Comércio Eletrônico

E-commerce: 3 dicas indispensáveis para conquistar mais vendas

Inovação sempre foi um pré-requisito para todo grande empreendedor, pois pode concluir seus objetivos e atingir suas metas. 

O mercado digital tem crescido exponencialmente e o maior ramo de vendas tem sido o virtual. Lojas online tem sido algo mais comum e a maior solução para revendedores, pois ao oferecer produtos como, por exemplo, luva de vaqueta, o cliente alcança a sua marca de maneira prática e econômica.

Continue a leitura e entenda como funciona o e-commerce e como deve agir para conquistar mais vendas.

Entendendo o e-commerce

Vamos entender em um conceito básico, ou seja, como o e-commerce cresce e funciona. Imagine um Influenciador Digital famoso. Ele, por estar em destaque, precisa criar um conteúdo atrativo e trazer novos seguidores que se interessem pela sua página. 

Outros influenciadores se adequam e entendem as tendências de mercado, agindo da mesma maneira, criando uma nova identidade e ampliando seu público. É dessa maneira que o e-commerce funciona! 

Se ofertar produtos como compressor parafuso, deve entender as tendências de mercado ao criar sua loja online, vendo como os grandes funcionam e aplicando alguns de seus métodos a sua empresa.

Em diversas postagens presentes na internet, já deve ter lido que, para iniciar um serviço online, deve:

  1. Criar um plano de negócio imbatível, incluindo: estudo de mercado, um sumário executivo entre outras ações;
  2. Investir em sistema antifraude e escolher a plataforma e-commerce correta para agregar ao seu site.

Embora nenhum desses métodos sejam errados e tenham de ser levados em conta na criação de uma loja, muitas dessas atitudes requerem tempo e investimento. Aqui vão práticas baratas e que, rapidamente, farão você despontar e criar sua loja online.

Como continuar vendendo pelo e-commerce

Agora que entendeu como funciona o comércio eletrônico e já está vendendo nele, deve se perguntar: Como vou continuar atraindo clientes?

Separamos 3 dicas indispensáveis que podem mudar sua receita no fim do mês.

  1. Identificar o público-alvo

Embora já tenha feito isso para conseguir suas vendas anteriores, nunca deixe de identificar seu público-alvo, afinal, os costumes e exigências do público podem mudar. 

Mude a vitrine virtual de sua loja com novas tendências. Busque saber o que sua concorrência tem oferecido para manter o mercado igualado e competitivo. O consumidor quer inovação constante, tanto quanto quer segurança.

Crie campanhas de divulgação para que sua marca possa ficar mais conhecida, usar a ferramenta Google  AdWords pode ser uma solução barata e com uma resposta muito positiva.

  1. Faça uso das redes sociais

Invista em marketing de conteúdo, isso vai agir como um amplificador de som e deixar seu cliente atento às mudanças e novidades que existem em sua loja. Você pode utilizar de várias formas a criação de conteúdo:

  • Faça um unboxing de produtos de sua loja, instigando seu cliente a comprar;
  • Faça lives, principalmente no Instagram, onde o fluxo de vendas tem sido muito alto.
  1. Lembre-se do pós-venda 

Mesmo depois de finalizar a venda, ainda é importante manter contato com seu cliente. Ao saber que está na semana da entrega, deixe um aviso eletrônico (e-mail marketing) falando da satisfação em tê-lo como cliente.

Aproveite essas oportunidades para deixar claro que espera que retorne para mais compras e pergunte se permite que sua empresa lhe mande ofertas. Essa tática é com certeza a maior e mais assertiva estratégia de remarketing.

Esperamos ter ajudado com essa postagem, caso tenha gostado comente e compartilhe em suas redes sociais.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo